1 de agosto de 2017

Sláinte Brighid

Brighid do manto sagrado, rodeai-nos,
Senhora dos Cordeiros, protegei-nos,
Defensora da Lareira, iluminai-nos,
E restitui-nos a memória

Mãe de nossas mães,
Antepassadas corajosas,
Fazei-nos lembrar
Como acender a lareira

Mantê-la viva
Para preservar a chama,
Para acender a luz,
Tanto de dia como de noite

Vossas mãos sobre as nossas,
Nossas mãos nas vossas,
Do amanhecer ao anoitecer,
Do anoitecer ao amanhecer

O manto de Brighid em torno de nós,
A lembrança de Brighid dentro de nós,
A proteção de Brighid fora de nós,
Livrando do mal, da ignorância e da crueldade

Que assim seja! /|\

Adaptação do livro Anam Cara de Jonh O’Donohue
E autoria de Caitlín Matthews.



Feliz Imbolc a todos!

Rowena Arnehoy Seneween ®